Notícias

22.11.2021

Assembleia Eclesial

Na cidade do México, Assembleia teve início neste domingo (21). Dom Luiz Fernando participa representando todo o Regional Leste 3 da CNBB

Na Solenidade de Cristo Rei, neste 21 de novembro, aos pés de Maria de Guadalupe, a Igreja da América Latina e do Caribe se reuniu para a abertura da Assembleia Eclesial da América Latina e do Caribe.

Na Eucaristia o presidente do Conselho Episcopal Latino-americano (Celam), dom Miguel Cabrejos, disse que são cerca de mil participantes da Assembleia, incluindo os presentes na Cidade do México e os que participam virtualmente, para dar “graças a Deus por esta nova experiência de viver, sentir e participar da Igreja”. Sob a inspiração do lema “Somos todos discípulos missionários em saída”, o encontro se estende até 28 de novembro.

Segundo dom Miguel Cabrejos, é uma Assembleia histórica, “porque, em vez de realizar a VI Conferência Geral dos Bispos, o Papa Francisco propôs esta Assembleia Eclesial, composta por representantes de todo o Povo de Deus”. Estamos testemunhando “a passagem de uma assembleia na qual apenas bispos participaram para uma assembleia plenamente eclesial”, insistiu o presidente do Celam.

 

Dom Luiz Fernando

O Brasil está participando com uma delegação de 314 convidados, com as vagas distribuídas conforme as vinculações eclesiais, sendo 64 bispos distribuídos proporcionalmente ao número de dioceses dos 19 regionais da CNBB, 63 vagas para padres e diáconos, 63 vagas para religiosos e institutos seculares distribuídas segundo os diferentes carismas, 94 indicações para leigos cujas vagas foram distribuídas pela Comissão Episcopal Pastoral para o Laicato da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) observando as referências nos organismos ligados ao laicato como Conselho Nacional dos Leigos do Brasil (CNLB), CEBs, e também nas Pastorais, como a Familiar e a Juvenil. Estão incluídas ainda 31 vagas que foram contempladas por pessoas que integram grupos excluídos, entre os quais participarão cinco indígenas brasileiros.

Dentre eles está o bispo diocesano de Cachoeiro de Itapemirim, Dom Luiz Fernando Lisboa, que está representando não só a diocese sul capixaba mas todo o Regional Leste 3 (Espírito Santo) da CNBB. Em vídeo, Dom Luiz contou um pouco da singularidade desta Assembleia Eclesial e como ela é abrangente, integrando toda a população e não somente os bispos. Dom Luiz fez um convite entusiasmado aos capixabas, para que participem da Assembleia ao longo da semana pelas mídias digitais.

"Que esse tema da Assembleia Eclesial (somos todos discípulos missionários em saída), que ele possa nos motivar a sermos cada vez mais Igreja, a assumirmos responsabilidades na nossa Igreja, a darmos a nossa contribuição para que a igreja católica seja um sinal visível de Deus neste mundo, nessa sociedade em que estamos vivendo, nesse tempo atual tão difícil de pandemia e tantas ouras situações que nós já conhecemos. Então, estejamos todos unidos, participemos juntos, é a nossa Igreja, nós somos a Igreja, juntos com o Papa Francisco, 'somos todos discípulos missionários em saída'"

Veja a mensagem de Dom Luiz Fernando abaixo. Clique aqui e veja o Hino da Assembleia Eclesial.

 

Acompanhe, ao vivo, a Assembleia Eclesial pelas redes sociais do Celam:

Facebook Celam https://bit.ly/3kveTdV
Facebook Asamblea https://bit.ly/3kvNo3O
Twiter @AEclesial y @CelamWeb
YouTube https://bit.ly/3Hiuw24
https://asambleaeclesial.lat/en-vivo/
Emissora Rádio Maria em Espanhol

 

Oração da Assembleia Eclesial

Pai de bondade, que tem conduzido a tua Igreja peregrina na América Latina e no Caribe, inspirando-a a fazer realidade um caminho sinodal em saída a partir da experiência das Conferências Episcopais.

Suplicamos-te que nos ajudes com a luz do teu Espírito Santo neste tempo de preparação para a nossa Assembleia Eclesial, que com memória agradecida lembrar-se-á do Documento de Aparecida, vislumbrando no horizonte o Jubileu de Guadalupe e da Redenção.

Que, face aos desafios presentes e futuros possamos reacender o nosso compromisso como discípulos missionários, para que possamos ter vida em Jesus Cristo encontrando. Nele a alegria, a paz e a esperança que não desilude.

Que, através da escuta, do diálogo e do encontro, e inspirados pela voz profética do Papa Francisco para o cuidado da casa comum, das culturas e o compromisso com a fraternidade universal, sejamos corajosos na promoção de uma economia solidária e uma educação integral, ajudando com amor aqueles que foram descartados e excluídos.

Que Santa Maria de Guadalupe e o sangue de tantos homens e mulheres mártires que fecundaram a nossa fé, nos encoraje na missão que nos foi confiada. Por Jesus Cristo nosso Senhor. Amém.

 

 

Mais Notícias